Rádio Santa Cruz - FM

NOTÍCIAS DO DIA


Paraminenses apoiam petição para criação de lei que aumenta a pena nos casos de agressão contra crianças

15/04/2021

Há 0 comentários para essa notícia.

Highslide JS

A morte do menino Henry Borel Medeiros, no Rio de Janeiro, continua chocando a população brasileira e por aqui não é diferente. Muitos paraminenses já assinaram a petição para a criação de uma lei aumentando a pena em casos de agressão contra crianças.

O objetivo da mobilização é pressionar o Congresso Federal para agir rapidamente. A sociedade defende uma legislação tão eficiente quanto a Lei Maria da Penha, afastando agressores do convívio de menores, além da duplicação ou triplicação de pena comparado a outros casos e sem possibilidade de progressão de regime.

Henry tinha 4 anos e morreu em consequência de agressões. O principal suspeito é o padrasto, que é o vereador Jairo Santos Junior, mais conhecido como Dr. Jairinho. O Instituto Médico Legal atestou que a vítima tinha 23 ferimentos pelo corpo e faleceu em decorrência de hemorragia interna e laceração hepática.

A criança sofreu lesões na cabeça, no nariz, hematomas no punho e no abdômen, além de contusões no rim e nos pulmões e teve rompimento do fígado. A mãe da vítima também está com a prisão temporária decretada. Pesa sobre ela a acusação de que teria ignorado os maus tratos ao filho, causados pelo atual companheiro, o Dr. Jairinho.

A indignação da população de Pará de Minas não é menor que em outras regiões do país. O JM tem recebido várias manifestações diárias pedindo punição para os responsáveis e uma lei rigorosa para evitar que outras crianças percam a vida dessa maneira.

Foto Ilustrativa: Counselling/pixabay.com




Veja também



 1 2 3 4 5 6 Fim


RECEBA NOVIDADES

Cadastre-se e Receba no seu email as últimas novidades do mundo contábil.

Siga-nos

© Copyright - 2018 - Todos os direitos reservados - Atualizações Rádio Santa Cruz FM. Desenvolvido por:Agência Treis