Rádio Santa Cruz - FM

PARÁ DE MINAS EM DESTAQUE


Abandono de animais pode gerar audiência pública na Câmara Municipal

26/11/2021

Há 0 comentários para essa notícia.

Highslide JS

A Câmara de Pará de Minas pode realizar uma audiência pública para discutir o abandono e maus tratos dos animais na cidade. Os vereadores têm recebido várias denúncias de populares e ativistas da causa animal.

A situação vem se agravando muito desde o início da pandemia, revelando a dificuldade de boa parte das famílias em manter a alimentação dos animais de estimação.

Acontece que ao invés de doar o animal, para que ele possa continuar recebendo cuidados, vários donos estão jogando-os nas ruas. E o bota-fora não para de crescer, conforme denunciam as testemunhas.

Geralmente os proprietários escolhem áreas mais afastadas para descartar o animal. Uma das cenas que mais têm causado indignação é quando eles abrem a porta do carro e empurram o pet para fora.

As imediações da penitenciária Pio Canedo viraram alvo do descarte, impressionando os coordenadores e os assistidos da comunidade Só Vida. O fato foi denunciado pelo vereador Juninho JR:

Assustada com esta e muitas outras situações que têm chegado à Câmara, a vereadora Irene Melo Franco propõe a realização de uma audiência pública:

O problema de maus tratos aos animais não acontece só em Pará de Minas. Um ano e dois meses depois da Lei Sansão, que estabelece prisão para quem praticar violência contra cães e gatos, o registro da crueldade continua em Minas Gerais. 
De 2020 para cá houve aumento de 62% nos casos de maus-tratos e esse índice é apenas o oficial, registrado nos boletins de ocorrência.

Os ativistas acreditam em muitos outros que não entraram nas estatísticas. 
Por outro lado, cresceu também o índice de pessoas conduzidas às delegacias de Minas acusadas de maltratar animais. O índice que era de 23% subiu para 45%.

As denúncias contra os infratores podem ser feitas na Polícia Militar, pelo telefone 190, ou pelo Disque-denúncia, através do 181, sem a necessidade da pessoa se identificar. 
E para quem não se lembra ou não sabe, a Lei Sansão foi criada depois que um cachorro teve as patas traseiras decepadas em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Fotos: Amilton Maciel/Rádio Santa Cruz FM





Veja também



 1 2 3 4 5 6 Fim




Seja o primeiro a comentar

RECEBA NOVIDADES

Cadastre-se e Receba no seu email as últimas novidades do mundo contábil.

Siga-nos

© Copyright - 2018 - Todos os direitos reservados - Atualizações Rádio Santa Cruz FM. Desenvolvido por:Agência Treis